Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

carro de entrada da Fiat

Palio Fire assume posto como carro mais barato do Brasil

10 JAN 14 - 08h:30terra

A Fiat divulgou nesta quinta-feira a versão 2014 do Palio Fire, que ficou mais barato para assumir o lugar do Mille como carro de entrada da marca. A partir de R$ 23.990, o Palio Fire também é o modelo 0 km com menor preço do mercado nacional, ao lado do Chery QQ, que custa o mesmo.

A redução de preço foi de R$ 580, mas a nova versão já vem equipada com airbag e freios com ABS e EBD de série, conforme a legislação, além de pequenas mudanças visuais e um novo interior. Em vez de repassar o custo dos equipamentos obrigatórios e do aumento no IPI, a Fiat resolveu ir contra a maré para manter o lugar de mercado do Mille, que deixou de ser fabricado no final de 2013.

Entre os itens de série também aparecem indicador digital do nível de combustível, retrovisores externos com comando interno, para-choques na cor do veículo, relógio digital, luz de leitura dianteira e vidros climatizados verdes. O motor é o mesmo 1.0 l, que ganhou nota A no Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular do Inmetro, e desenvolve 75 cavalos de potência. 

A Fiat também afirma que cortou o preço do ar-acondicionado em 28%, agora o opcional pode ser adquirido por R$ 2.350. Como opcionais, o Palio Fire 2014 também oferece direção hidráulica, um kit visibilidade, desembaçador com ar quente, preparação e rádio com MP3/USB. A versão quatro portas não sai por menos de R$ 25.990.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

OPINIÃO

Raul Spitz: "Falar sobre o suicídio é proporcionar vida"

Psicólogo e consultor pedagógico do Laboratório Inteligência de Vida (LIV)
Teste da nova BMW R 1250 GS Adventure
CORREIO VEÍCULOS

Teste da nova BMW R 1250 GS Adventure

Felpuda

NOVO SISTEMA

Pedidos de refúgio no Brasil podem ser feitos apenas pela internet

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião