Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Países do Bric avaliam o cooperativismo

19 ABR 10 - 09h:25
Representantes do Brasil, Rússia, Índia e China se reuniram na quinta e sexta-feiras, na sede da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), em Brasília (DF), para conhecer o cooperativismo dos quatro países integrantes do Bric visando a futuros acordos técnicos e econômicos, além de intercooperação entre as cooperativas dessas nações. Na opinião do ministro interino do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Daniel Maya, essa aproximação e as possíveis ações em conjunto trarão resultados positivos pois o posicionamento no mercado internacional beneficiará produtores  e consumidores brasileiros e dos demais países do Bric.
O setor cooperativista tem papel importante nesse processo por sua relação direta com o produtor. Brasil, Índia, Rússia e China são potências que juntas podem ter um reconhecimento internacional ainda maior.  
Ele participou do I Encontro de Cooperativas do Bric. O evento, que fez parte da agenda oficial da Cúpula do Bric, reuniu na sede da OCB representantes de organizações cooperativas do Brasil, Rússia, Índia e China.
Para o presidente da OCB, Márcio Lopes de Freitas, anfitrião do evento, esta é uma grande oportunidade para  os quatro países se conhecerem melhor e estabelecerem uma aliança mais definitiva. Freitas propôs a criação de um grupo de trabalho técnico para elaborar propostas de desenvolvimento do setor. O presidente da OCB também apresentou os números do Sistema Cooperativista Brasileiro, formado por 7.261 cooperativas, 8.252.410 de associados e 274.190 empregados, representando hoje 5,39% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, 40% do PIB agropecuário nacional, com uma receita em exportações de US$ 3,63 bilhões.
Freitas acredita que esse encontro vai ajudar a identificar a área na qual se pode trabalhar uma ação mais específica de cooperação. “Temos muitas coisas para ceder e também a importar, entre eles fertilizantes da Rússia, o cloreto de potássio, por exemplo”, destacou Freitas.

O Bric
O conceito do Bric foi proposto pelo Goldman Sachs, em 2001, como um novo “grupo econômico” integrado pelas quatro maiores economias emergentes – Brasil, Rússia, Índia e China. Foi oficializado em 2009, durante a primeira Cúpula Presidencial realizada em Ecaterimburgo, na Rússia. O Bric traz a possibilidade de um rico diálogo entre os países-membros, com muitos pontos de convergência e sinergia capazes de impulsionar a agenda internacional.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Dia do Pantanal pode entrar no calendário de eventos de Mato Grosso do Sul
BIOMA IMPORTANTE

Dia do Pantanal pode entrar no calendário de eventos de MS

Protagonista de aditivo milionário, wi-fi é a próxima etapa do Reviva
RUA 14 de JULHO

Protagonista de aditivo milionário, instalação do wi-fi é a próxima etapa do Reviva

MP de Bolsonaro acaba com necessidade de registro profissional
DELEGACIA DO TRABALHO

MP de Bolsonaro acaba com necessidade de registro profissional

Morador de rua é encontrado morto com sinais de violência sexual
CAMPO GRANDE

Morador de rua é encontrado morto com sinais de violência sexual

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião