Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

pediatras

Pais têm de peregrinar pela cidade em busca de atendimento para filhos

8 DEZ 2010Por bruno grubertt05h:08

 

A primeira reação de quem procura por pediatras nos postos de saúde de Campo Grande e não encontra, é se deslocar até um hospital particular. O problema é que até nessas situações está sendo difícil encontrar médicos pediatras e as mães têm de peregrinar pela cidade em busca de atendimento para seus filhos.

A professora Joirce Gonçalves do Nascimento, de 41 anos já havia ido a um posto de saúde antes de se deslocarem até o Hospital El Kadri. O filho dela, um menino de três anos, estava com febre e a suspeita dos pais era catapora. "Agora vamos até a Cassems para ver se indicam algum lugar onde tenha médico", disse, ontem à tarde. Mesmo tendo plano de saúde, ela não havia conseguido atendimento.

Já Juliana Ferreira, de 33 anos, está grávida de oito meses e foi até o Hospital El Kadri para marcar uma data para sua cesariana. Porém, como não há disponibilidade de pediatra, profissional indispensável para o dia do parto, ela não conseguiu agendar a internação. "Agora vou para a (Maternidade) Cândido Mariano. É estranho um hospital particular desses não ter pediatra", disse Juliana, sem entender os motivos que a fizeram perder a viagem.

A procura de mães como Joirce e Juliana ainda deve prevalecer por tempo indeterminado. Isso porque os hospitais particulares ainda não têm previsão de retomar o atendimento às crianças, o que depende da disponibilidade de profissionais.

Leia Também