Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MÉXICO

Pai mata recém-nascido após choro atrapalhar sexo

Pai mata recém-nascido após choro atrapalhar sexo
13/01/2014 19:10 - R7


O mexicano José Luis Camarena Santos, 43 anos, está respondendo pelo assassinato do filho, que morreu após receber uma forte cotovelada do pai na cabeça. De acordo com as autoridades, o homem teria ficado bravo porque o choro da criança interrompeu o sexo do casal.

Santos foi detido pela polícia e agora deve ficar preso pelo crime ocorrido na noite do dia 5 de janeiro deste ano em Tlaquepaque, no México.

Conforme publicado pela imprensa local, o homem confessou que estava com a mulher na cama quando o bebê interrompeu o sexo do casal. Santos teria dado uma cotovelada na cabeça do recém-nascido que, após intervenção da mãe, retornou ao sono.

Entretanto, na manhã do dia seguinte, o casal precisou chamar uma ambulância após identificar um sangramento no nariz da criança que não reagia aos estímulos dos pais.

Os paramédicos foram ao local, mas chegaram quando o bebê já estava morto. O resgate chamou imediatamente a polícia que deu início às investigações.

Os resultados da autópsia confirmaram que a criança morreu devido aos ferimentos na cabeça causados pela agressão do pai. 

Felpuda


Ao que tudo indica, partido teria criado “racha” apenas visando jogar para a plateia, e, assim, quem estava com a corda toda anunciou que se prepara para o desembarque. Nos bastidores o que se ouve é que o tal fundo partidário seria o motivo da desavença e que quem nunca comeu mel quando come se lambuza. Só que não. A estratégia é continuar “dono” da atual legenda e “tomar a frente” de partido que está em fase embrionária. Tudo inspirado na “velha política”.