Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Pai e madrasta de Isabella passarão por reconstituição

13 ABR 08 - 10h:48
     

Cleidson Lima


        

Os investigadores do caso da menina Isabella Oliveira Nardoni, de 5 anos, afirmaram ter certeza de que ninguém, além de Alexandre Carlos Nardoni, de 29 anos, e Anna Carolina Trotta Peixoto Jatobá, de 24, esteve no apartamento deles na noite do assassinato.

 

Os policiais ouviram 44 testemunhas e nenhuma relatou a presença de pessoas estranhas no Edifício London, na noite de 29 de março. A perícia constatou que não há sinais de arrombamento ou invasão no prédio. Além disso, os policiais têm certeza de que o pai e a madrasta de Isabella estavam no apartamento pelo menos dez minutos antes de a menina ser atirada pela janela. Isso é confirmado pelos depoimentos de testemunhas que ouviram o casal brigar.

 

O Instituto de Criminalística colocará o pai e a madrasta na cena do crime nos próximos dias para saber se os depoimentos têm fundamento.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Inscrições para o Encceja começam hoje pela internet
EDUCAÇÃO

Inscrições para o Encceja começam hoje pela internet

Paraguai passa a exigir vacina da <br>febre amarela para brasileiros
MUDANÇA

Paraguai passa a exigir vacina da febre amarela a brasileiros

Prefeitura abre licitação para construção de quebra molas
PROJETO AGETRAN

Prefeitura abre licitação para construção de quebra molas

Procon fiscaliza de joalherias a motéis para o Dia dos Namorados
OPERAÇÃO

Procon fiscaliza de joalherias a motéis no Dia dos Namorados

Mais Lidas