Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Padrasto que enfiou agulhas em menino é condenado na Bahia - Terra Brasil

14 MAR 14 - 09h:22terra

O homem que enfiou 31 agulhas no corpo do enteado Márcio Santos, quando o menino tinha 2 anos, foi condenado a 12 anos e seis meses de prisão por tentativa de homicídio triplamente qualificado. O caso ocorreu em Ibotirama, no extremo oeste baiano, em 2009.

O julgamento de Roberto Carlos Magalhães terminou por volta das 23h de quinta-feira no Fórum da cidade. Na época do crime, ele chegou a dizer que inseriu as agulhas para atingir a mãe do menino, de quem era divorciado.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça da Bahia, a condenação triplamente qualificada se deve por ser motivo torpe, meio cruel e por ter impossibilitado a defesa da vítima. O padrasto respondeu a todo processo preso há quatro anos e dois meses e teve o pedido de recorrer em liberdade negado pelo juiz Pedro Henrique Izidro. Ele irá seguir cumprindo a pena em regime fechado. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas
APONTA PESQUISA

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas
INTERIOR

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS
DIZ MINISTRO

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS

Investigações contra agressor de Bolsonaro podem ser retomadas
PRESO EM CAMPO GRANDE

Agressor de Bolsonaro pode voltar a ser investigado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião