Quarta, 13 de Dezembro de 2017

DESENVOLVIMENTO

PAC-3 prevê investimentos de
R$ 9,4 bi em diversas obras para MS

18 FEV 2014Por DA REDAÇÃO00h:00

Enquanto o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) emperra em Campo Grande, o governo de Mato Grosso do Sul está tentando viabilizar cerca de R$ 9,4 bilhões em obras da terceira etapa do programa federal, que deve ser anunciada em junho pela presidente Dilma Rousseff, e iniciada em 2015.

As principais obras são de logística, infraestrutura e transporte. Os destaques são a possível inclusão das Ferrovias do Pantanal e Ferroeste do PAC-3, além da BR-419.

“A Ferrovia do Pantanal é o governo federal que está cuidando, e acredito que vai ser ‘paqueada’, estamos atrás de incluir a Ferroeste e a BR-419”, afirmou o governador André Puccinelli, em entrevista ao Correio do Estado.

O governo também busca verbas adicionais para áreas estratégicas, como educação e segurança pública. Porém, os números que envolvem os ramais ferroviários impressionam pelo volume de dinheiro que pode ser destinado ao Estado.

A Ferroeste, por exemplo, interligaria o porto de Paranaguá, no Paraná, a Mato Grosso do Sul, passando pelos municípios de Cascavel (PR), Mundo Novo, Dourados e Maracaju, em MS. A extensão chega aos 409 quilômetros, segundo o governador. O montante a ser investido gira em torno dos R$ 1,3 bilhão somente no trecho sul-mato-grossense, com a inclusão de uma ponte ferroviária sobre o Rio Paraná.

Leia Também