quarta, 18 de julho de 2018

Os mineiros e o país nunca serão os mesmos

15 OUT 2010Por AGÊNCIA ESTADO, MINA DE SAN JOSÉ08h:20



Os mineiros e o país nunca serão os mesmos, disse o presidente do Chile, Sebastián Piñera. “Eles experimentaram uma vida nova, um renascimento”, disse ele, assim como o Chile. “Não somos os mesmos que éramos antes do deslizamento do dia 5 de agosto. Hoje, o Chile é um país muito mais unido, forte e muito mais respeitado e amado em todo o mundo.”
Piñera concedeu a entrevista coletiva, depois de visitar os mineiros, que estão internados no hospital de Copiapó.
Os 33 mineiros estão ansiosos para se reunir com suas famílias e dormir em suas próprias camas pela primeira vez desde 5 de agosto. Parentes organizam festas de boas-vindas e tentam lidar com o violento assédio dos que querem pegar carona na fama dos mineiros.
O presidente do Chile, Sebastián Piñera posou ontem para fotografias com os mineiros, a maioria deles usando roupões e pantufas, para uma fotografia em grupo e a seguir celebrou o resgate e as conquistas que levarão o Chile a uma novo nível de respeito em todo o mundo.
Futebol
Piñera convidou os mineiros para uma visita ao Palácio de La Moneda, sede do governo federal chileno, brincou com eles e posou para fotografias. Piñera, que é apaixonado por esportes, desafiou os mineiros para uma partida de futebol no próximo dia 25. Segundo ele, haverá uma disputa entre os trabalhadores e a “seleção do La Moneda”.
A seleção do governo é formada pelo presidente e por alguns de seus assessores. O presidente afirmou que disse aos mineiros: “Aqueles que perderem (a partida de futebol) voltam para mina, quem ganhar fica no La Moneda”.
Saúde
O doutor Jorge Montes, vice-diretor do Hospital Regional de Copiapó, disse que alguns dos mineiros poderiam deixar o hospital ainda ontem, apesar do impacto físico e emocional dos 69 dias em que passaram a quase 700 metros de profundidade. “Nenhum deles está em estado de choque”, disse ele, e todos devem deixar o hospital assim que passarem por uma bateria de exames médicos e psicológicos. O bom estado de saúde dos mineiros surpreendeu a equipe médica.
Todos os mineiros permanecem tensos, disse ele, o que é natural, tento em vista o que eles passaram e o que enfrentarão no início de suas novas vidas. “Todos foram expostos a um alto nível de estresse, a maioria passou por esses momentos de forma notável. Alguns apresentam algumas pequenas complicações, mas nada preocupante”.

Convite
O governo de Taiwan planeja convidar os 33 mineiros para uma visita à ilha, disse um alto funcionário ontem. “Nós expressaremos nosso desejo por nosso escritório de representação (no Chile)”, disse o ministro das Relações Exteriores, Timothy Yang. “Faremos nosso melhor para que eles sintam nossa calorosa acolhida.”

Leia Também