CÂMARA

Oposição cede e 5 ministros serão chamados

Oposição cede e 5 ministros serão chamados
19/03/2014 15:45 - FOLHAPRESS


Em meio a concessão da oposição, a Comissão de Relações Exteriores da Câmara aprovou hoje pedidos de esclarecimentos de cinco ministros e do assessor especial da Presidência para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia.

Os oposicionistas cederam, e transformaram os pedidos de convocação, que obrigam as autoridades a comparecerem ao Congresso, em convite, que torna a presença facultativa.

Foram chamados os ministros Arthur Chioro (Saúde), Luiz Alberto Figueiredo (Relações Exteriores), Celso Amorim (Defesa), José Eduardo Cardozo (Justiça) e Aldo Rebelo (Esporte).

Eles vão tratar de temas ligados a suas pastas.

Na semana passada, a rebelião da base aliada provocou a convocação de quatro ministros e pedidos de esclarecimentos de outros seis, além do convite para a presidente da Petrobras, Graça Foster, para falar de denúncias de irregularidades na estatal. As convocações foram puxadas pelo PMDB e por partidos do "blocão" que estão insatisfeitos com o Planalto.

O grupo ainda aprovou outra derrota para o Planalto, que foi a criação de uma comissão externa para acompanhar investigações sobre denúncias de suborno envolvendo a estatal. Após a derrota, o governo começou a negociar cargos e liberação de emendas com aliados para tentar esvaziar o "blocão".
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".