Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 17 de janeiro de 2019

Busca

Operação policial prende estuprador na Capital

12 ABR 2011Por Laís Camargo15h:30

Em trabalho conjunto, a Polícia Civil e a  Polícia Militar prenderam na tarde de hoje o estuprador da estudante violentada em matagal da UFMS. O autor do crime, identificado por duas  testemunhas é Robson Vander Lan, tatuador que tem 29 anos. Ele foi encontrado na noite de ontem na casa da tia, onde reside. Uma denúncia anônima levou a polícia até ele, mas Robson acabou fugindo.

Segundo a delegada da Delegacia Especializada em Atendimento da Mulher (DEAM) responsável pelas investigações, Cristiane Grossi, a estudante foi fundamental para a rapidez na resolução do crime. “Ela é muito equilibrada, nos ajudou muito. Também tem o fato do atendimento diferenciado, porque sabemos o tipo de crime que ela sofreu e tentamos ser mais humanizados, é um crime muito delicado”, afirma a delegada.

Mais de 500 estudantes protestaram ontem em frente à reitoria da universidade e até fecharam a Avenida Costa e Silva por alguns momentos. Além do apoio para a vítima do crime, os estudantes pediram mais segurança e em alguns momentos receberam em troca a opressão policial. Manifestantes contam que houve momentos de tensão em que agressões só foram evitadas devido aos gritos de: “e se fosse com a sua filha e estudante não é bandido, vão pegar o estuprador”.

O estuprador já havia realizado outros crimes, como estupro a uma criança de 9 anos e assassinato da namorada de 19 anos, que estava grávida. Apesar das acusações, ele é condenado apenas por roubo. A bicicleta e o short utilizados no momento do crime foram apreendidos na residência do sujeito.

Modificado às 20h54min para acréscimo de informações

Leia mais no jornal Correio do Estado

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também