Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Operação da PF coloca atrás das grades quase a metade do primeiro escalão de Dourados

7 JUL 09 - 23h:49
     

DA REDAÇÃO

 

A Operação Owari da Polícia Federal colocou atrás das grades quase a metade do primeiro escalão do prefeito de Dourados Ari Artuzi (PDT). Foram presos os secretários municipais de Governo, Darci Caldo; de Saúde, Sandro Ricardo Barbara; de Obras Carlos Ióris, e ainda os assessores especiais Márcia Fagundes e Jorge Dauzacker, além do vice-prefeito e secretário de Serviços Urbanos, Carlos Alberto Assis Bernardes, o Carlinhos Cantor.

As prisões fizeram com que mais 40% das pastas fiquem, pelo menos temporariamente, sem os titulares.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Tite admite 'pressão inevitável' no cargo e necessidade de vitória na seleção
NOVA DERROTA

Tite admite 'pressão inevitável' no cargo e necessidade de vitória na seleção

NOVEMBRO AZUL

Um em cada seis homens tem câncer de próstata no Brasil, alerta Inca

Embaixada russa 'troca' Bolsonaro por Temer em post sobre Brics
GAFE

Embaixada russa 'troca' Bolsonaro por Temer em post sobre Brics

STF

Toffoli nega recurso de Aras e amplia pedido de acesso a dados do antigo Coaf

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião