sábado, 21 de julho de 2018

Obras de rodovias estaduais começam na próxima semana

17 SET 2010Por 19h:12

Silvia Tada

Semana que vem começam as obras em rodovias estaduais viabilizadas por convênio com o Banco Internacional para a Reconstrução e Desenvolvimento (Bird/Banco Mundial), assinado ontem. Nesta primeira etapa, quatro rodovias serão asfaltadas e outras cinco passarão por melhorias, em um investimento total de US$ 300 milhões. “Esses projetos que estão prontos, já foram licitados e só aguardávamos a liberação do dinheiro para começar”, comentou o secretário de Estado de Meio Ambiente, do Planejamento e da Ciência e Tecnologia, Carlos Alberto Negreiros Said Menezes.
Serão asfaltadas a MS-436, entre Camapuã e Figueirão, MS-306, dos povoados conhecidos como Cantina até Gaúcho Pobre, MS-112, de Três Lagoas a Inocência e a MS-274, de Angélica ao distrito de Ipezal. Quando todo o pacote for concluído, serão 450 quilômetros asfaltados, informou a coordenadora do Programa de Desenvolvimento Sustentável de Mato Grosso do Sul (PDE/MS), Juliana Azevedo Pegolo Carvalho.
Em outra frente de trabalho estão as estradas que serão “reabilitadas” (cerca de 750 quilômetros). São elas MS-141, de Naviraí a Ivinhema, MS-145, do entroncamento MS-276 até BR-267, MS-276, de Indápolis a Deodápolis, MS-306, de Cantina a Cassilândia, passando por Chapadão do Sul e MS-377, de Água Clara a Inocência.
O contrato foi assinado em Brasília (DF), ontem pela manhã, pelo governador André Puccinelli e pelo diretor do Banco Mundial para o Brasil, Makhtar Diop, com a presença de seis prefeitos Zelmo de Brida, de Naviraí, Antônio Ângelo dos Santos, de Inocência, José Dodô da Rocha, de Selvíria, Edvaldo Queiroz, de Água Clara, João Carlos Lemes, de Bataguassu e Carlos Augusto da Silva, de Cassilândia.

Leia Também