Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ECONOMIA

Obra do aeroporto de Dourados tem investimento de R$ 1,5 milhão

Obra do aeroporto de Dourados tem investimento de R$ 1,5 milhão
14/04/2010 23:47 -


Fábio Dorta, Dourados

Integrantes do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) fizeram ontem vistoria nas obras de reforma e ampliação do Aeroporto Municipal de Dourados. Estão sendo investidos cerca de R$ 1,5 milhão para que o aeródromo possa receber aeronaves de grande porte e, com isso, o município receber voos para grandes centros do País.
Os recursos são do Governo do Estado com contrapartida da Prefeitura e a previsão é de que as obras estejam concluídas até o final de maio. Atualmente apenas a empresa aérea TRIP opera com voos diários para Campo Grande, Cuiabá/MT e Curitiba/PR, com conexões para outras cidades.
Quando as obras estiverem concluídas a TRIP deverá anunciar um voo diário para São Paulo. Segundo o secretário municipal de Agricultura, Indústria e Comércio, Maurício Peralta, a expectativa é de que outras companhias aéreas também passem a operar em Dourados. “Essa reforma é um passo importantíssimo para que Dourados faça parte do roteiro das grandes companhias aéreas”, afirmou.
Com as obras estão sendo ampliados a pista, o receptivo (local onde ficam os balcões das companhias aéreas e os setores de embarque e desembarque de passageiros) e sala de rádio. Também está sendo construído novo estacionamento e adquiridos modernos aparelhos de rádio comunicador e de raio ‘x’ e veículos de combate a incêndio.
“As obras estão transcorrendo dentro do cronograma previsto, inclusive com melhorias importantes em relação ao projeto original. Quando os trabalhos estiverem encerrados vai haver uma vistoria técnica da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) para que o aeroporto possa ser homologado e liberado para receber mais voos comerciais”, finalizou Peralta.

Felpuda


Certa pré-candidatura à Prefeitura de Campo Grande nasceu com grandes brechas que certamente serão usadas pelos adversários no período da campanha eleitoral, segundo voz corrente nos bastidores políticos. Uma delas: como o postulante vai dizer que fará boa administração se no período em que administrou conhecida instituição passou boa parte do tempo reclamando de crise financeira e ameaçando fechar as portas?