Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CONFLITO

Obama diz que referendo sobre a Crimeia fere direito internacional

6 MAR 14 - 19h:00AGÊNCIA BRASIL

O presidente norte-americano, Barack Obama, disse hoje (6) que a realização de um referendo sobre a eventual integração da república autônoma ucraniana da Crimeia à Rússia constituirá uma violação da soberania da Ucrânia e do direito internacional.

Em declaração feita na Casa Branca, Obama afirmou que os Estados Unidos e seus aliados estão unidos contra a incursão da Rússia na Ucrânia, mas avaliou que uma solução diplomática para o impasse ainda é possível.

“O referendo proposto sobre o futuro da Crimeia violará a Constituição ucraniana e o direito internacional. Qualquer discussão sobre o futuro da Ucrânia deve incluir o governo legítimo do país”, acrescentou.

Obama fez as declarações algumas horas depois de Washington ter anunciado a imposição de restrição de vistos e o congelamento de bens de russos e a ucranianos tidos como responsáveis pela desestabilização da Ucrânia. A administração norte-americana não excluiu a adoção de “outros passos”, caso a situação piore.

Os violentos confrontos registrados entre os dias 18 e 20 de fevereiro no centro da capital, Kiev, já deixaram 100 mortos e 14 feridos em estado grave, informou nesta quinta-feira o Ministério da Saúde da Ucrânia.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

SENADO

Projeto que afrouxa regras para partidos pode ser votado hoje

Confira o seu astral para esta terça-feira
OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta terça-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta terça-feira: "Soluções para a saúde"

ARTIGO

Gilson Cavalcanti Ricci: "Taiga siberiana, a maior floresta do mundo"

Advogado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião