Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Confusão

OAB/MS confirma briga de advogados e pede providências ao Conselho

23 FEV 2014Por VÂNYA SANTOS17h:15

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), encaminhou na última sexta-feira (21) um documento ao presidente da OAB Nacional, Marcus Vinícius Furtado Coelho, onde confirma o episódio de vias de fatos, que ocorreu durante reunião no plenário, envolvendo advogados, e pede providências para o caso.

 

No documento, que foi disponibilizado no site da instituição, Júlio César relata que às 9h do dia 21 foi instalada uma sessão para aprovação de três atas, sendo que uma delas foi reprovada. O fato motivou discussão e, em seguida, a suspensão da sessão por 15 minutos.

Os trabalhos foram retomados em seguida, ocasião em que o conselheiro decano Carlos Magno Couto e o ex-presidente da Seccional, Carmelino de Arruda Rezende, iniciaram uma discussão.

O desentendimento evoluiu para vias de fatos, que envolveu também o secretário-geral adjunto Jully Heyder da Cunha.

Depois de descrever os fatos, o presidente Júlio César pediu que o Conselho Federal tome providências e apure ofensas ao Estatuto da OAB, Regimento Geral da Advocacia e Regimento Interno da OAB/MS.

Clique aqui para ler o documento na íntegra.

Leia Também