Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

O poder do leite

17 MAI 10 - 21h:57

Gustavo Monteiro, Bolsa de Mulher

Reza a lenda que Cleópatra, um dos maiores ícones de beleza de todos os tempos, não abria mão de um banho de leite para renovar a pele e realçar seu poder de sedução. Seguindo os passos da rainha do Egito, a mulher contemporânea aproveita os benefícios do leite em cosméticos e tratamentos para a pele, cabelos e até unhas. Dermatologistas garantem: o ácido lático tem propriedades hidratantes e rejuvenescedoras. Iremos desvendar alguns mistérios sobre essa poderosa ferramenta de beleza.

Os dermatologistas explicam que o leite, primeiro alimento com o qual temos contato, é rico em aminoácidos (proteínas). Acompanhe o raciocínio: o cabelo e a pele são ricos em queratina, uma proteína que precisa dos aminoácidos para se manter estruturada. Na pele, há também o colágeno, que carece de renovação e manutenção. Logo, máscaras caseiras à base de leite e iogurtes ajudam na revitalização.

Formulações de hidratantes corporais e faciais contam com ácidos láticos concentrados extraídos do leite e alguns aminoácidos purificados. Além disso, o alimento é rico em albumina, que tem propriedades regeneradoras. As unhas têm queratina também. O cálcio ingerido do leite ajuda a manter essas lâminas de queratina mais coesas e, portanto, contribui para reduzir fragilidade e descamações.

Segundo os especialistas, o uso constante de esmalte e acetona acaba desidratando as unhas, deixando-as mais frágeis. Os hidratantes com ácido lático ajudam na hidratação das unhas e cutículas. Os produtos mais comumente feitos com leite são xampus, hidratantes, cremes de cabelo e sabonetes.

 

Leite de cabra

Os esteticistas comentam que os banhos de Cleópatra eram feitos com leite de cabra, que tem mais vitaminas e nutrientes que o de vaca. O leite caprino consegue penetrar mais profundamente na pele, porque seus nutrientes têm dimensões menores que os presentes no leite bovino. Além disso, é rico em vitamina A, B1, B12 e C. Retarda o envelhecimento e nutre a pele, deixando-a mais lisa, fina e elástica.

O leite de cabra é digerido mais facilmente, uma vez que não contém a aglutinina, presente no de vaca, e pode ser usado por pessoas com síndrome de má absorção de alimentos e distúrbios intestinais. Mas tanto o bovino quanto o caprino têm muitas proteínas que colaboram para pele e cabelos mais saudáveis. Vale lembrar que no caso de pessoas alérgicas a proteínas do leite de vaca, a opção pelo de cabra é recomendável pela fácil digestão.

 

Cosméticos

Nos cosméticos, o principal uso do leite ocorre em cremes e soluções hidratantes para corpo e rosto por causa da ação do ácido lático. E apesar dos benefícios inegáveis, pessoas com pele oleosa devem evitar. São reforçadas duas vantagens: a alta concentração de ácidos graxos, que combatem os radicais livres do organismo, além das vitaminas.

Os dermatologistas não veem contraindicação para uso dos produtos à base de leite. O leite de cabra, por exemplo, tem um pH semelhante ao da pele humana, o que o torna um poderoso hidratante, com propriedades rejuvenescedoras. Ele é rico em ácido caprílico, que também pode ajudar a clarear e a suavizar a pele.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Câmeras de reconhecimento facial começam a ser instaladas nesta semana na 14 de Julho
SEGURANÇA

Câmeras de reconhecimento facial começam a ser instaladas nesta semana na 14

Tereza Cristina firma acordo técnico na Alemanha, passa por Itália e segue para a Índia
INTERNACIONAL

Tereza Cristina firma acordo técnico na Alemanha, passa por Itália e segue para a Índia

Município estuda agilizar emissão de notas para campanha de prêmios
SERVIÇOS

Município estuda agilizar emissão de notas para campanha de prêmios

Bolsonaro escala General Mourão para combater desmatamento na Amazônia
SELVA

Bolsonaro escala General Mourão para combater desmatamento na Amazônia

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião