Domingo, 17 de Dezembro de 2017

NSA e agência britânica rastreiam aplicativos de smartphones

27 JAN 2014Por folhapress18h:43

Documentos secretos da inteligência britânica mostram que a Agência Nacional de Segurança (NSA, da sigla em inglês) americana e a sua equivalente no Reino Unido conseguem rastrear dados de usuários de aplicativos de smartphones.

Entre as informações coletadas, estão a localização do usuário, sua idade e gênero e outras informações pessoais, segundo os novos documentos vazados pelo ex-técnico da NSA Edward Snowden, que está asilado na Rússia.

Um dos relatórios britânicos, de 2012, afirma que é possível, inclusive, vasculhar aplicativos que contêm detalhes como "alinhamento político" de um usuário ou sua orientação sexual.

Os dois governos estariam trabalhando em formas de buscar e armazenar dados a partir de dezenas de aplicativos desde 2007.

Desde então, as duas agências colaboram entre si para rastrear a localização e informações de planejamento de alvos que utilizem o Google Maps em seu smartphone, ou as listas de contato, registros de telefone e até dados geográficos em fotos postadas, pelo celular, nos aplicativos do Facebook, do Flickr, do LinkedIn e do Twitter, entre outros.

A escala e as especificidades do material coletado não estão claras. Os documentos revelam que a NSA e a agência britânica obtêm, de forma rotineira, informações a partir de certos aplicativos -especialmente os mais antigos.

Segundo o "New York Times", que teve acesso aos documentos junto com o "Guardian", as agências têm a mesma capacidade com alguns aplicativos mais recentes, como o jogo infantil Angry Birds, mas não é possível saber se eles também são rastreados. 

Leia Também