Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Novo treinador visa ao Mundial

23 JAN 10 - 08h:14
Apresentado como treinador da seleção brasileira de basquete a cerca de sete meses do início do Mundial da Turquia, o argentino Ruben Magnano não quis se arriscar em falar de números na disputa mais importante da temporada. Ele, porém, prometeu que o time nacional apresentará uma performance melhor que a 19a colocação obtida em 2006, o pior resultado brasileiro da história. “Não tenho como dizer qual será o resultado do Brasil, mas me animo a falar que o time vai ter um bom desempenho”, comentou o treinador, dizendo ter “muita esperança pela atitude que viu no Brasil durante a Copa América”, torneio clasificatório para o Mundial no qual o Brasil sagrou-se campeão em 2009 ao vencer Porto Rico na decisão. Incitado a analisar o grupo brasileiro na primeira fase, Magnano demonstrou otimismo. “A primeira vaga deve ficar com os Estados Unidos e temos potencial para pegar o segundo lugar. Ainda é um pouco cedo para analisar os outros times, mas pela história do basquete europeu, Croácia e Eslovênia devem ser bons rivais”, comentou o técnico.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ECONOMIA

Mercosul concluiu acordo comercial com países do Efta, diz Bolsonaro

ECONOMIA

Caixa avalia mudança para taxa prefixada no financiamento imobiliário

BRASIL

Lula se cala na Pentiti, 64ª fase da Lava Jato

BRASIL

Maia: País vive 'quase um estado autoritário', inclusive na área do meio ambiente

Mais Lidas