domingo, 22 de julho de 2018

Finanças

Novo presidente do Palmeiras enfrenta crise

20 JAN 2011Por Terra17h:30

O oposicionista Arnaldo Tirone venceu a eleição para a presidência do Palmeiras. Logo em seus primeiros dias, o novo presidente do clube alviverde terá que enfrentar um incrível déficit na conta da entidade palestrina. Preocupado com o futuro, o mais novo mandatário mostrou confiança em equilibrar as finanças durante os próximos dois anos, período no qual permanecerá à frente da equipe.

"O Palmeiras ganhou com essa eleição. Eu quero trabalhar o dia todo, aqui no clube, bem próximo. Procuraremos melhorar o Palmeiras, tornando-o muito melhor do que está agora. Tenho a preocupação, sentaremos e veremos o que acontecerá, mas acredito muito", disse o dirigente, que viaja já nesta quinta-feira para acompanhar o duelo entre Palmeiras e Ituano, em Piracicaba.

Arnaldo Tirone terá uma difícil missão para controlar a finanças palmeirenses da gestão Luiz Gonzaga Belluzzo. Eleito para o COF (Conselho de Orientação e Fiscalização), Gilto Tirone apresentou o balanço de 2010 do clube de Palestra Itália, o qual acusa gastos de R$ 134 mihões com o departamento de futebol, sendo R$ 5,5 milhões somente em "bares e restaurantes."

Para conseguir controlar as contas, Tirone se inspirará em nomes que já passaram pelo cargo, entre eles Mustafá Contursi, que estipulou a política do "bom e barato" durante o final da sua gestão de 12 anos no clube, encerrada somente em 2005.

"Vou me inspirar em ex-presidentes falecidos, mas também em amigos meus, como Afonso Della Monica (presidente entre 2005 e 2009) e o Mustafá (Contursi, presidente entre 1993 e 2005). Quero a ajuda de todos", sentenciou o novo presidente palmeirense, antes de encerrar o discurso pedindo a ajuda dos palmeirenses.

"O Palmeiras precisa da ajuda dos palmeirenses. Tenho que chegar na sede e tomar ciência do que acontece. Prometo que irei 'suar a camisa' pelo Palmeiras. Sou torcedor há 55 anos e agora é a minha vez. Quero organizar o futebol. Acredito na minha equipe; mas, principalmente, acredito no Palmeiras", encerrou.

Leia Também