Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Novas armadilhas contra dengue são testadas na capital

12 NOV 09 - 22h:30
     

        da redação

         

O Centro de Controle de Zoonoses de Campo Grande começou a instalar cerca de 500 equipamentos que servem como armadilhas para o mosquito da dengue.  Em alguns bairros da Capital. Os agentes estão testando três tipos de armadilha para saber qual é a mais eficiente. Os resultados já começaram a aparecer em 24 horas.

Por enquanto, apenas três bairros estão no roteiro. Dentre eles está o Guanandi, Vila Planalto e Vila Carlota. A escolha foi feita ano passado, pois a situação nesses locais estava entre as mais graves.

Três tipos de equipamentos estão em testes. O mais comum já estava sendo usado em Mato Grosso do Sul, ele imita o lugar ideal para a colocação de ovos do mosquito e esses ovos são capturados. A outra armadilha é mais complicada. Os agentes colocam água no interior da máquina e a deixam em locais perto do chão, porque o mosquito voa baixo. A engenhoca captura vetores adultos que tentam colocar ovos lá dentro. A terceira armadilha é, por enquanto, a mais eficiente. Ela é ligada na tomada e libera um cheiro que parece com o da pele do ser humano. O transmissor da doença é sugado pelo pequeno motor elétrico e fica preso quando se aproxima. A estratégia é decidir qual dos três equipamentos será o melhor no combate a doença em todo o país.

         

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Tecnologia terá recursos <BR>de R$ 56,7 milhões para inovação
PROJETO

Tecnologia terá recursos de R$ 56,7 milhões para inovação

Gravidez na adolescência <br> diminui em Campo Grande
2018

Gravidez na adolescência diminui em Campo Grande

Abandonadas, obras de 16 escolas vão custar mais
PARADAS

Abandonadas, obras de 16 escolas vão custar mais

Sob ameaça de represa, distrito de Cocais enfrenta saque
CIDADE HISTÓRICA

Sob ameaça de represa, distrito de Cocais enfrenta saque

Mais Lidas