Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CEAD/MS

Nova política antidrogas é apresentada à Simone

13 JAN 14 - 17h:51DA REDAÇÃO

A governadora em exercício, Simone Tebet, se reuniu na manhã desta segunda-feira (13) com integrantes do Conselho Estadual Antidrogas (Cead/MS) para discutir a publicação da Política Estadual Sobre Drogas (PED). O documento entregue a governadora contém as novas diretrizes para prevenção, fiscalização e repressão às drogas, que complementa o decreto n° 8412, de 20 de dezembro de 1995.

Segundo o presidente do Cead/MS, Sérgio Harfouche, as novas diretrizes foram estabelecidas em parceria com os conselhos municipais antidrogas e os prefeitos locais durante seis fóruns realizados nos últimos três anos. As discussões foram promovidas em todas as regiões do Estado. “O processo de reformulação destas políticas teve como referência o Plano Nacional Antidrogas (PNAD) que tem como temas: pressupostos básicos e objetivos; prevenção; tratamento, recuperação e inserção social; redução de danos sociais e à saúde; redução de oferta – repressão; além de estudos, pesquisas e avaliações”, afirma o presidente.

Harfouche enfatiza que o principal objetivo das políticas é fomentar uma cultura de saúde, que promova a construção de uma sociedade protegida do uso indevido de drogas ilícitas e do abuso de drogas lícitas. As ações visam despertar a consciência da população sobre os danos biopsicossociais causados ao indivíduo pelo uso indevido de drogas, lícitas ou ilícitas, bem como as consequências nefastas para a sociedade como um todo.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas
APONTA PESQUISA

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas
INTERIOR

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS
DIZ MINISTRO

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS

Investigações contra agressor de Bolsonaro podem ser retomadas
PRESO EM CAMPO GRANDE

Agressor de Bolsonaro pode voltar a ser investigado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião