Campo Grande - MS, terça, 21 de agosto de 2018

Mundo

Norte do Sudão assume controle de disputada região petrolífera

22 MAI 2011Por ESTADÃO22h:48

O Exército do Norte do Sudão tomou o controle da disputada região produtora de petróleo Abyei, disseram autoridades no domingo, obrigando milhares a fugir e levando o norte e o sul do país à beira de um intenso conflito.

Cartum enviou tanques para a cidade de Abyei, principal povoado da região, no sábado, depois de semanas de crescente tensão e acusações de ambos os lados, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).

O controle de Abyei continua sendo o maior ponto de discórdia na contagem regressiva para a secessão do sul do Sudão, prevista para julho.

A escalada da violência na região fronteiriça foi condenada pelos Estados Unidos, Grã-Bretanha e pelos enviados do Conselho de Segurança da ONU em visita ao Sudão.

"Os membros do Conselho de Segurança pedem ao governo do Sudão para interromper sua operação militar e se retirar imediatamente da cidade de Abyei e de seus arredores", disse o embaixador francês na ONU, Gerard Araud, a jornalistas em Cartum, lendo uma declaração do Conselho.

"A maioria dos residentes na cidade de Abyei saiu ontem (sábado) em direção ao sul. Há relatos de saques cometidos por grupos armados", afirmou a porta-voz da ONU, Hua Jiang, à Reuters, acrescentando que a população da cidade foi estimada em cerca de 20 mil habitantes.

Residentes do sul votaram pela independência do norte em um referendo de janeiro, prometido no acordo de paz de 2005, que pôs fim à guerra civil entre o norte e o sul.

O conflito entre o norte de maioria muçulmana e o sul, onde a maioria das pessoas é cristã e segue crenças tradicionais, matou cerca de 2 milhões de pessoas.

Leia Também