Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DRAMA

No Dom Antônio, população quer
mais segurança

25 FEV 14 - 00h:00DA REDAÇÃO

Reportagem na edição de hoje (25) do jornal Correio do Estado mostra uma região abandonada e com violência desenfreada. Esse é o sentimento de quem mora no Bairro Dom Antônio Barbosa, um dos mais perigosos da Capital. Falta de segurança é uma constante para os moradores, que ainda convivem com ausência de serviços básicos, como saúde.

Abandonada pela administração pública, o bairro vive um clima de guerra, segundo os moradores, propiciado pelo aumento do número de gangues e as constantes disputas por pontos de comercialização de entorpecentes.

“A polícia só vem quando a pessoa está morta”, lamenta a vendedora Maria Aparecida Julho, 39 anos, uma das moradoras ouvidas pelo Correio do Estado. A fala da trabalhadora resume o pensamento da população do local, que se sente “sem lenço e sem documento” e largada pela Prefeitura da Capital. A reportagem é de Daniel Campos.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas
APONTA PESQUISA

Mais famílias campo-grandenses conseguem pagar as dívidas

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas
INTERIOR

Agehab dá dez dias para mutuários regularizarem dívidas

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS
DIZ MINISTRO

União agilizará reconhecimento de emergência por queimadas em MS

Investigações contra agressor de Bolsonaro podem ser retomadas
PRESO EM CAMPO GRANDE

Agressor de Bolsonaro pode voltar a ser investigado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião