Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

FUTEBOL

No adeus ao Sevilla, Luis Fabiano faz juras de amor ao clube

14 MAR 11 - 13h:44FOLHA ONLINE

O atacante brasileiro Luis Fabiano, recém-contratado pelo São Paulo, declarou nesta segunda-feira que o Sevilla, "após seis anos inesquecíveis", sempre estará em seu coração.
O jogador, que se despediu entre lágrimas numa coletiva de imprensa, agradeceu aos torcedores e chegou a pedir perdão se "machucou alguém ou fez algo de errado".

"São seis anos de muitas coisas e muitos títulos com grande alegria e numa cidade maravilhosa, com uma torcida que me acolheu de forma impressionante. Espero que o Sevilla siga seu caminho sendo grande e estarei no Brasil, como torcedor, acompanhando", disse durante o evento.
Luis Fabiano acrescentou que a eliminação ante o Braga, na fase preliminar da atual Copa dos Campeões da Europa, foi o momento mais duro que teve no período.

O presidente do clube, José María Del Nido, afirmou que estava deixando o time "um dos melhores atacantes do mundo a da história do Sevilla", antes de compará-lo a ícones da equipe como Campanar, Araujo, Polster, Suker e Zamorano.

Segundo ele, agora se falará numa era antes e depois de Luis Fabiano e os torcedores estarão eternamente agradecidos ao brasileiro por "tantas tardes de glórias".

Del Nido declarou que a transação ao São Paulo foi por pouco mais de 13 milhões de euros (aproximadamente R$ 30 mi).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Prefeito acredita que eleitor vota em pessoas e não partidos
ELEIÇÕES 2020

Prefeito acredita que eleitor vota em pessoas e não partidos

Governador diz que Bolívia <br> quer posto alfandegário em MS
MAIS PARCERIA

Governador diz que Bolívia
quer posto alfandegário em MS

Software vai liberar alvará<br> online em até 48 horas
'ALVARÁ IMEDIATO'

Software vai liberar alvará online em até 48 horas

ORÇAMENTO

Guedes tenta obter mais R$ 20 bilhões para evitar apagão

Mais Lidas