Terça, 12 de Dezembro de 2017

hidrelétricas

Nível de reservatórios pode encarecer contas

3 FEV 2014Por band09h:15

A redução dos níveis dos reservatórios das principais usinas hidrelétricas do país pode provocar um aumento nas contas de luz. O problema é que o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) foi obrigado a acionar as termelétricas movidas a óleo, que são cerca de dez vezes mais caras do que as plantas movidas a água.

Segundo o professor especialista em energia da Universidade Federal Fluminense, Luciano Losekann, existe a possibilidade de o consumidor sentir esse efeito no bolso, mas o governo ainda tem outra alternativa: recorrer ao Tesouro Nacional.

Os recordes de calor em todo o país são os grandes vilões da energia neste ano. O consumo médio de luz aumentou em 7% no mês de janeiro em relação ao mesmo período do ano passado.

O nível dos reservatórios de hidrelétricas das regiões Sudeste e Centro-Oeste, que são responsáveis por cerca de 70% de toda a energia produzida no país, chegou ao final de janeiro com apenas 40% da capacidade.

Para Losekann, o número já pode ser considerado alarmante, mas ele ainda acha cedo imaginar algum tipo de racionamento de energia.

O último racionamento de energia decretado pelo governo aconteceu em junho de 2001, quando o nível dos reservatórios das regiões Sudeste e Centro-Oeste ficou abaixo dos 30%.

Leia Também