Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 16 de outubro de 2018

Marcha de prefeitos

Nelsinho organiza caravana para reforçar apoio a Dilma

26 AGO 2010Por 20h:40
Lidiane Kober e Daniella Arruda

Depois de promover anteontem encontro da candidata do PT à sucessão presidencial, Dilma Rousseff, com cerca de 40 prefeitos sul-mato-grossense em hotel de Campo Grande, o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) já se mobiliza para arregimentar novos aliados à campanha da petista e levá-los dia 14 de setembro a Brasília em ato da presidenciável. Segundo ele, na data, será realizada marcha dos administradores municipais, que apoiam a eleição da ex-ministra.
Nelsinho, como coordenador do comitê de prefeitos pró-Dilma no Estado, tem a missão de engrossar a lista de parceiros e levar a caravana de aliados ao Distrito Federal. Seu principal argumento para atrair mais simpatizantes à campanha da petista é o projeto de ela dedicar atenção especial ao municipalismo.
Inclusive, conforme Nelsinho, no último encontro da candidata com os prefeitos de Mato Grosso do Sul, ela reiterou a promessa de auxiliar os administradores municipais. “Foi dito (na reunião) o compromisso dela com o municipalismo brasileiro, o fortalecimento do pacto federativo. Ela vai identificar município por município, não como um pontinho do mapa, mas como uma unidade federativa forte. Então, nós estamos muito animados com esse encaminhamento”, contou. “Por isso, nós vamos fazer a grande marcha”, completou.
Hoje, a maior fatia dos recursos arrecadados com impostos permanecem nos cofres da União, ao mesmo tempo em que aumenta a competência das prefeituras com saúde e educação. No total do bolo tributário, 22,5% são distribuídos entre os municípios, 21,5% entre os estados e o restante fica com o Governo federal. Dessa forma, o objetivo dos prefeitos é dividir de forma igualitária as obrigações. Um das principais reivindicações é aprovar percentual de investimento obrigatório em saúde por parte da União.

Elogios a Lula
Nelsinho foi a primeira liderança estadual do PMDB a declarar apoio a Dilma, contrariando, inclusive, o rumo do seu partido em Mato Grosso do Sul, que firmou aliança com o tucano José Serra na corrida presidencial. O prefeito justificou a posição em reconhecimento à atuação do Governo federal em Campo Grande, por liberar recursos recordes à Capital.
Na presença do presidente Lula e de cerca de mil pessoas, anteontem, na solenidade de inauguração das obras de urbanização do Córrego Cabaça, Nelsinho voltou a declarar que “Lula é o maior presidente que o nosso País já teve”. Para todos, ele reconheceu sua gratidão ao apoio da União à Prefeitura de Campo Grande. “Todas as vezes que fui a Brasília, fui bem recebido. No governo do presidente Lula não tem discriminação, ele ajuda todos, independentemente da cor partidária”, complementou.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também