Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Nelsinho inaugurou Sala de Múltiplo Uso no São Conrado

Nelsinho inaugurou Sala de Múltiplo Uso no São Conrado
31/08/2010 21:45 -


     O prefeito Nelsinho Trad fará entregou nesta terça-feira (31) uma sala de múltiplo uso para no Complexo Esportivo São Conrado. Com área total de 245 m², a Sala recebeu cerca de R$ 410 mil de investimentos do Bndes (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e da Prefeitura de Campo Grande. A construção localiza-se ao lado da quadra de esportes e proporcionará benefícios diversos para a população do Jardim São Conrado.
                                ?Esta construção fará total diferença para os moradores do São Conrado, com salas para atividades, para o setor de administração, depósito esportivo, vestiário feminino e masculino e um banheiro adaptado para deficientes físicos. É um avanço na educação e na qualidade de vida?, disse o prefeito Nelson Trad Filho durante o lançamento.
                                A diretora do Complexo São Conrado, Angelita Panissa, agradeceu ao prefeito pela entrega e disse que a Sala de Múltiplo Uso irá ?otimizar não só sua administração, como também será um ponto forte na prática de esportes de crianças a idosos da região?.
                                Na manhã de ontem, Nelsinho entregou a Sala de Múltiplo Uso do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) Vida Nova II, também com 245m². O valor do empreendimento é de aproximadamente R$ 360 mil reais e os recursos são do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e da Prefeitura de Campo Grande.
                                

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!