Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Nelsinho e Geraldo mantêm distância do grupo de Orcírio

15 JUL 10 - 07h:31
O espaço físico do comitê da presidenciável Dilma Rousseff ficou pequeno para o número de convidados que compareceram à inauguração do local, mas mesmo assim não aproximou o deputado federal Geraldo Resende e o prefeito Nelsinho Trad, ambos do PMDB, do grupo em que estava o ex-governador José Orcírio dos Santos (PT). O petista ficou ao lado dos deputados federais Vander Loubet (PT) e Dagoberto Nogueira (PDT); dos senadores Delcídio do Amaral (PT) e Valter Pereira (PMDB), e do presidente da Assomassul, Beto Pereira (PSDB).

Resende e Trad ficaram isolados. Não conversaram com ninguém do grupo, embora tenham passado a menos de dois metros dos demais. Depois ficaram em outro ambiente, na parte externa, por cerca de 20 minutos, até começarem os discursos.

A inauguração do comitê político central da presidenciável Dilma Rousseff reuniu líderes políticos do PT, PMDB, PDT, PSB, PR, PC do B, PRB, PTN, PSC e PTC, além de centenas de cabos eleitorais da candidata. O excesso de convidados causou tumultos e a falta de organização deixou a maioria perdida.   
O atraso de quase duas horas de Dilma agravou ainda mais a confusão, já que deputados federais, senadores, governadores, deputados estaduais, prefeitos e convidados vips não tinham onde ficar e enfrentaram empurra-empurra até chegarem ao palanque. (CS)
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CLÁUDIO HUMBERTO

“Não acho que isso é importante agora”

Confira o seu astral para esta quinta-feira
OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta quinta-feira

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta quinta-feira: "Justiça, uma busca constante"

ARTIGO

Allana Mendonça Martins: "O que não falam sobre o contrato de gaveta"

Bacharel em Direito

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião