Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Nasa registra duas explosões solares na virada do ano

5 JAN 14 - 04h:00G1

No dia 31 de dezembro de 2013, às 19h58, e no dia 1º de janeiro de 2014, às 16h52 (horário de Brasília), a agência espacial americana (Nasa) registrou duas explosões solares de nível médio.
As erupções solares são emissões súbitas de radiação na superfície da estrela. Elas disparam bilhões de toneladas de partículas no espaço, que podem viajar a grandes velocidades.

A explosão solar que ocorreu no último dia de 2013 foi classificada como M6.4. Já a explosão do primeiro dia de 2014 teve classificação M9.9. As labaredas da classe M são consideradas a mais fracas a causar algum tipo de efeito meteorológico espacial perto da Terra. As duas explosões emergiram da mesma região ativa do Sol, chamada de AR1936.

As imagens foram registradas pelo Observatório de Dinâmica Solar (SDO, na sigla em inglês) da Nasa, que mantém uma constante vigilância do Sol, coletando dados a cada 12 segundos, segundo informações da agência.

De acordo com a Nasa, a radiação prejudicial de uma explosão solar não afeta fisicamente os seres humanos na Terra, mas pode deturpar a atmosfera em uma camada em que os sinais de comunicação e de GPS circulam. A radiação também interrompe sinais de radio pelo período em que a explosão solar ocorre.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Crepioca é opção para o café da manhã ou lanche
RECEITA

Crepioca é opção para o café da manhã ou lanche

TELEVISÃO

Com novo programa, MTV volta a apostar em votação de clipes

MUNDO

Acuados em caso Odebrecht, políticos peruanos temem apuração sobre OAS

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta sexta-feira: "O caminho da reconstrução"

Mais Lidas