Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

DEPUTADA

"Não vou renunciar", diz Jaqueline Roriz

7 ABR 2011Por g109h:09

A deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF) afirmou nesta quarta-feira (6) que não vai renunciar ao mandato em razão da gravação em que aparece ao lado do marido, Manoel Neto, recebendo dinheiro do delator do suposto esquema de corrupção que ficou conhecido como mensalão do DEM. “Não vou renunciar. Tenho a consciência limpa.”

Jaqueline esteve na Câmara na tarde desta quarta, acompanhada dos advogados, para protocolar defesa no processo que pede a cassação do seu mandato no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Casa. Foi a primeira aparição da deputada desde a divulgação do vídeo.


Me guardo o direito de neste momento me calar, porque necessito esperar formalmente as acusações. Segundo os meus advogados, seria certo este procedimento"Deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF)Ela afirmou que não iria comentar as imagens para não prejudicar sua defesa. “Me guardo o direito de neste momento me calar, porque necessito esperar formalmente as acusações. Segundo os meus advogados, seria certo este procedimento. Vou aguardar que a Justiça e os nossos advogados, que cumpriram todos os prazos regimentais dessa Casa, sigam com o procedimento”, afirmou.

O pedido de cassação foi apresentado ao Conselho de Ética da Casa pelo PSOL, no dia 16 de março. Além do vídeo, os integrantes do colegiado devem analisar a denúncia de que a deputada do PMN usou verba do gabinete para pagar aluguel de uma sala comercial de propriedade do próprio marido. Nesta terça, ela apresentou defesa sobre o aluguel da sala.

Leia Também