Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

Muricy recusa convite e CBF convida Mano Menezes

23 JUL 2010Por 09h:44
     

                Da redação 

                Depois de receber o não de Muricy Ramalho, a CBF fez um comunicado em sua página na internet dizendo que fez um convite para o técnico do Corinthians, Mano Menezes, assumir o comando da seleção para o lugar de Dunga.

                A informação oficial saiu minutos após a entidade que dirige o futebol nacional confirmar a negativa de Muricy. No início da manhã, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, teve um encontro com o treinador do Fluminense, e foi justamente o clube carioca que não permitiu que seu técnico saísse da equipe.

"Mano Menezes fazia parte de uma relação de três treinadores, elaborada ainda na África do Sul, e teve seu nome confirmado depois da conversa com Ricardo Teixeira, quando se mostrou afinado com o projeto de renovação traçado pela CBF para a Copa do Mundo de 2014", diz a nota.

                Se aceitar o convite, Mano deve fazer a sua primeira convocação na segunda-feira. O Brasil faz um amistoso com os Estados Unidos em 10 de agosto, em Nova Jersey.

                "Na conversa que teve com Mano Menezes, Ricardo Teixeira assegurou que o técnico terá o apoio irrestrito para exercer sua tarefa, como sempre aconteceu com todos os profissionais que trabalharam na Seleção Brasileira na sua administração", afirma nota.

                Dunga foi demitido do cargo de técnico do Brasil após a equipe ser eliminada nas quartas de final da Copa do Mundo da África do Sul, após perder por 2 a 1 de virada para a Holanda.

                Leia a íntegra da nota

                "O presidente Ricardo Teixeira convidou Mano Menezes para ser o técnico da Seleção Brasileira. O convite foi feito em conversa o início da noite desta sexta-feira, e Mano Menezes anuncia a sua decisão na entrevista coletiva que será promovida pelo Corinthians, amanhã [sábado], em São Paulo.

                Mano Menezes fazia parte de uma relação de três treinadores, elaborada ainda na África do Sul, e teve seu nome confirmado depois da conversa com Ricardo Teixeira, quando se mostrou afinado com o projeto de renovação traçado pela CBF para a Copa do Mundo de 2014.

                - Conversei com muitas pessoas, assisti a debates em vários programas esportivos e ouvi também torcedores para chegar a três nomes. O que determinou a escolha foi o entendimento de que é necessária uma imediata renovação na Seleção Brasileira, o que o Mano Menezes iniciará já na convocação para o amistoso do dia 10 de agosto contra os Estados Unidos.

                Nesse sentido, Mano Menezes atende plenamente ao projeto traçado pela CBF. Técnico que conquistou o respeito pelo seu trabalho à frente do Grêmio e agora no Corinthians, marca a sua trajetória pelo equilíbrio e tem como característica o fato de gostar de trabalhar e lançar jovens jogadores.

                Na conversa que teve com Mano Menezes, Ricardo Teixeira assegurou que o técnico terá o apoio irrestrito para exercer sua tarefa, como sempre aconteceu com todos os profissionais que trabalharam na Seleção Brasileira na sua administração.

                - O mais importante na escolha é o senso comum da importância da filosofia de renovação que será posta em prática. Tenho a absoluta confiança de que esse trabalho será feito com sucesso nessa trajetória que terminará em 2014.(Da Folha)

Leia Também