REDE CEGONHA

Municípios aguardam recurso de R$ 1,8 milhão em MS

Municípios aguardam recurso de R$ 1,8 milhão em MS
25/06/2012 14:35 - Vanya Santos e Taryne Zottino


Agora só depende do Ministério da Saúde para que o recurso de R$ 1.835.895,06 destinado à ampliação dos serviços da Rede Cegonha seja encaminhado para Mato Grosso do Sul.

De acordo com Beatriz Dobashi, secretária do Estado de Saúde, a portaria foi publicada na semana passada. "Isto significa que os municípios vão começar a receber os recursos e usá-los para melhorar o ambiente do parto normal, da cesária, do Projeto Canguru, das UTIs neonatal, das UTIs de adulto", explicou. 

No Estado, todos os 78 municípios serão beneficiados. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), a estimativa é de que mais de 20 mil gestantes, cadastradas pelo SUS, sejam atendidas pelos de pré-natal nas unidades de saúde de Mato Grosso do Sul. A portaria também prevê a aquisição de mais de 38 mil exames de testes rápidos de gravidez que serão distribuídos para as cinco macro regiões do Estado.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".