Segunda, 11 de Dezembro de 2017

Mundo dos esportes vive onda de acidentes trágicos nos últimos meses

22 FEV 2014Por terra22h:00

A atleta de canoagem Dienifer D'Avila Loreto foi a vítima mais recente da onda de acidentes envolvendo esportistas nos últimos meses. A morte de Dienifer, que se afogou enquanto treinava na Represa de Guarapiranga (SP), foi precedida por outros incidentes trágicos que abalaram o mundo dos esportes recentemente.

Relembre abaixo outros casos recentes:

Michael Schumacher (ALE), 45 anos, heptacampeão de Fórmula 1
O ex-piloto sofreu um acidente no dia 29 de dezembro, enquanto esquiava com o filho e amigos na estação de Méribel, na França. O alemão esquiva fora do trajeto recomendado e foi arremessado por 10m antes de bater a cabeça em uma rocha. O impacto foi tão forte que o capacete usado por Schumacher se partiu em dois. Desde então, Schumi segue internado, em coma, em um hospital de Grenoble (FRA) em decorrrência de um traumatismo craniano.

Laís Souza, 25 anos, esquiadora e ex-ginasta
A esquiadora treinava para conquistar uma vaga no esqui aéreo dos Jogos de Inverno de Sochi quando, no dia 27 de janeiro, se chocou contra uma árvore em Park City, Utah (EUA). Laís sofreu uma grave lesão na coluna cervical, mas já apresentou melhoras e foi transferida da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para a semi-intensiva. A esquiadora passou por cirurgia e já respira sem a ajuda de aparelhos, além de movimentar os ombros e apresentar sensibilidade nos braços e no tórax.

Maicon, 25 anos, atacante do Shakhtar Donetsk (UCR)
O jogador brasileiro morreu na manhã do dia 8 de fevereiro ao sofrer um acidente de carro em Donetsk, na Ucrânia. Maicon teve passagens por Flamengo e Fluminense antes de jogar no Leste Europeu.

Maria Komissarova (RUS), 23 anos, esquiadora
A atleta do esqui estilo livre sofreu um acidente similar ao de Laís Souza na pista de Rosa Kuthor, em Sochi. Komissarova também já passou por cirurgia e recebeu um implante de metal na 12ª vértebra. Maria está consciente e tem o estado de saúde estável. O presidente russo, Vladimir Putin, visitou a esquiadora no hospital.

Leia Também