Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Mulheres ganham mais espaço na Fórmula Truck em 2011

26 FEV 11 - 10h:22estadão

- Começa neste fim de semana em Santa Cruz do Sul (RS) a temporada 2011 do Campeonato Sul-Americano da Fórmula Truck. E uma das atrações da categoria é a presença de duas mulheres entre os 23 pilotos: a experiente Débora Rodrigues, da RM Competições, e a estreante Cristina Rosito, da DF Motorsport.

Débora, que ficou famosa em 1997 ao receber o título de ‘Musa dos Sem-Terra’, corre na Truck desde 1998, e, apesar de jamais ter sido campeã, é uma das competidoras mais respeitadas. “Quando cheguei aqui, diziam que eu era piloto de fogão. Realmente eu sou boa no fogão, mas também vou bem na pista”, brinca a corredora.

Para ela, a categoria só não tem mais mulheres por falta de incentivo. “Não é falta de competência, é falta de patrocínio o problema. Porque hoje temos muitas meninas boas surgindo no automobilismo. Em categorias de kart, várias são campeãs.”

Já Cristina, que debuta na Fórmula Truck, mas diz ter 30 anos de experiência no automobilismo, acredita que o mundo da velocidade cada vez mais aceita a presença de mulheres. “E é bom ver isso no melhor evento nesta área que temos no Brasil. Em relação ao público, com certeza a mulher chama mais atenção, mas para mim não faz diferença, quando coloco o capacete só quero superar os adversários.”

O treino classificatório da etapa inaugural da Fórmula Truck é neste sábado, às 14h. A corrida está marcada para domingo, às 13h (com Band).

- O repórter viajou a convite da categoria -

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Lava Jato de SP recorre após denúncia contra Lula e Frei Chico ser rejeitada

Vagner Mancini é o novo técnico do Atlético-MG
FUTEBOL 2019

Vagner Mancini é o novo técnico do Atlético-MG

Oferta de vagas no comércio para o Natal será a maior em seis anos
ECONOMIA

Oferta de vagas no comércio para o Natal será a maior em seis anos

Roberta D'Albuquerque: Intolerante
COMPORTAMENTO

Roberta D'Albuquerque: Intolerante

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião