Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

quarta, 20 de fevereiro de 2019 - 20h33min

Mulheres e negros ainda sofrem desigualdades

9 SET 08 - 19h:10
     Apesar da diferença entre ricos e pobres ter caído nos últimos anos, as desigualdades sociais que afetam mulheres e negros seguem em patamares muito elevados, mostrou uma pesquisa do governo em parceria com a Organização das Nações Unidas.

        

        De acordo com a sondagem, as mulheres tinham em 2006 uma renda média de dois terços da renda de um homem. Já a renda média dos negros era a metade da de um branco.

        Há dois anos, os homens recebiam em média cerca de 885 reais ao mês, enquanto as mulheres, 577 reais. Em 1996, a proporção era de 962 reais para os homens e 561 reais para as mulheres. Fonte: Yahoo

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Pescadores propõem redução gradativa da cota até metade da atual
AUDIÊNCIA PÚBLICA

Pescadores propõem redução gradativa da cota para pesca

CLASSIFICAÇÃO DE RISCO

Moody's diz que reforma é abrangente e, se aprovada, dará suporte a nota de crédito do país

O Brasil não tem selo de bom pagador pela Moody's.
MS deve receber 34 novos profissinais pelo Mais Médicos em marco
MAIS MÉDICOS

MS deve receber 34 novos médicos em março

Empregadores devem entregar declaração até 5 de abril
RAIS 2018

Empregadores devem entregar declaração até 5 de abril

Mais Lidas