Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Mulheres e jovens sofrem mais com desemprego

27 JAN 09 - 15h:23
     

         

         

As mulheres e os jovens são os mais prejudicados quando o assunto é desemprego na América Latina. É o que mostra o Panorama Laboral 2009, divulgado hoje (27) pela Organização Internacional do Trabalho (OIT). Segundo o estudo, o nível de desocupação entre os jovens das áreas urbanas dessa região é 2,2 vezes maior que a média geral de desemprego, que foi de 7,5% em 2008. Entre as mulheres, o número de desempregadas é 1,6 vez maior que entre os homens.

No caso dos empregos informais, aqueles cujo assalariado trabalha em uma empresa, mas não tem acesso a seguro social e outros benefícios, a incidência entre as mulheres era de 60,2% em 2007, contra 57,4% entre os homens. Já os empregos em setor informal, aqueles cujo trabalhador é autônomo e não tem acesso aos benefícios sociais, a maior incidência é entre os homens, com 41,6%, já entre as mulheres o percentual é de 39,6%.

        Com informações da Agência Brasil

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Empresários defendem que preço precisa cobrir custos de transporte
PREÇO TABELADO

Preço mínimo do frete tem que cobrir custos de transporte

PF encontra meia tonelada de maconha em tanque de combustível
APREENSÃO

PF encontra meia tonelada
de maconha em tanque

Clientes de seguradoras podem ficar sem guincho neste feriado
MATO GROSSO DO SUL

Clientes de seguradoras podem ficar sem guincho neste feriado

ALTERAÇÕES

Bolsonaro promete novas regras para porte de armas de fogo

Detalhes sobre o decreto não foram divulgados

Mais Lidas