quinta, 19 de julho de 2018

CABELEIREIRAS

Mulher é a 2ª testemunha morta em ação contra PCC

3 DEZ 2010Por Vânya Santos00h:02

Anderson foi encontrado morto no dia 18 de dezembro de 2007, na Rua Príncipe da Beira, Jardim Uirapuru, na Capital. Conforme atestado de óbito anexo no processo, que tramita na 2 Vara Criminal, a causa da morte foi queimadura de 4º grau (carbonização) por ação físico químico. No sistema da polícia consta que ele foi preso em 2002 e 2007 por tráfico de drogas.

Leia mais no jornal Correio do Estado

Leia Também