Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Gripe A

Mulher de 28 anos morre em hospital de Campo Grande
com suspeita de gripe H1N1

2 AGO 12 - 18h:30Gabriel Maymone

Morreu nesta manhã (02), Adriana Camilo Cintra, de 28 anos, que estava internada com suspeita de gripe H1N1 desde o dia 6 de julho no Hospital do Pênfigo, em Campo Grande.

No dia 2 de julho, Adriana começou a passar mal e foi atendida no Pronto Socorro de Sidrolândia (MS). O quadro da saúde da mulher se agravou e ela deu entrada no hospital Elmíria Silvério Barbosa.

Dois dias depois ela foi transferida em estado grave para Campo Grande. Com o estado de saúde debilitado, Adriana fez um exame que deu positivo para H1N1. Ela deixa marido e uma filha de 10 anos.

O corpo esta sendo velado na capela da Pax Bom Jesus Central, o sepultamento será as 17h no cemitério São Sebastião.

Com informações do Sidrolândia News

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Regina Duarte chega a Brasília e diz que decisão sobre cargo não sai nesta quarta
SECRETARIA DE CULTURA

Regina Duarte chega a Brasília e diz que decisão sobre cargo não sai nesta quarta

Justiça bloqueia R$ 45,1 milhões de empresas e suspende contrato com governo
SISTEMA DA POLÍCIA

Justiça bloqueia R$ 45,1 milhões de empresas
e suspende contrato

Coordenador de fronteiras não crê que fugitivos do Paraguai estejam no Brasil
FUGA EM MASSA

Coordenador de fronteiras não crê que fugitivos estejam no Brasil

Morenão recebe laudos, mas uso no Estadual será confirmado até sexta-feira
FUTEBOL

Morenão recebe laudos, mas uso no Estadual será confirmado até sexta-feira

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião