Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Mulher confessa ter envenenado marido em hospital

Mulher confessa ter envenenado marido em hospital
04/11/2008 22:00 -


     

        Uma mulher, suspeita de matar o marido, está presa em Uberlândia (MG). Ela foi detida no interior de Goiás e transferida para Minas Gerais. Na segunda-feira (3), a dona-de-casa de 45 anos prestou depoimento e, segundo a polícia,  confessou ter aplicado uma injeção com veneno no marido, que estava internado em um hospital. O advogado de defesa Carlos Andrade Cunha alega que ela tem problemas psicológicos e queria aliviar o sofrimento do marido. Ele estava internado na UTI de um hospital particular em Uberlândia, após um acidente vascular cerebral (AVC), e morreu envenenado durante o horário de visita, em outubro.

        Com informações do site G1

         

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?