Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Defensoria pública

Mulher busca ajuda para conseguir mudança de sexo na Capital

4 SET 12 - 17h:00Gabriel Maymone

No Centro de Referência em Direitos Humanos de Prevenção e Combate à Homofobia (Centrho), em Campo Grande, Elizabete dos Santos Rocha, de 42 anos, busca ajuda para conseguir a cirurgia de mudança de sexo. Por ter nascido hermafrodita, com os dois órgãos sexuais, aos sete anos, passou por um procedimento cirúrgico que fez a remoção do órgão masculino.

No entanto, conforme Elizabete, a escolha em manter a identidade sexual feminina não respeitou a sua vontade. “Desde criança meu comportamento e identificação é com o sexo masculino. Realizar a cirurgia para reverter essa situação é mudar toda minha vida”, explica.

O próximo passo após a mudança do órgão sexual será a do nome. Tímida, ela aguarda o procedimento para deixar Elizabete no passado e assinar como Eliaquim. “Eu quero conseguir primeiro essa primeira etapa, aí depois mudar o nome”, destaca a autônoma.

O caso de Elizabete, conforme explica a Defensora Pública de Segunda Instância, Vera Regina Prado Martins, é o primeiro registrado nos atendimentos do Centrho. “É um caso que se diferencia dos que temos atendido e, certamente, serão tomadas todas as medidas judiciais para assegurar o tratamento que se faz necessário, de tal forma a respeitar a dignidade da nossa assistida”, argumenta a defensora pública.

No mês de julho deste ano foram realizadas quatro orientações de pessoas que buscaram auxílio jurídico para ter o nome feminino nos registros civis.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Ministério da Agricultura divulga registro de 42 agrotóxicos

BRASIL

Dallagnol quis manter planilha da Odebrecht em sigilo, afirma site

Anac suspende concessão da Avianca Brasil e redistribui seus pousos
Celeuma

Anac suspende concessão da Avianca Brasil e redistribui seus pousos

BRASIL

MP de diz perplexo com devolução de demarcação de terras indígenas à Agricultura

Mais Lidas