quinta, 19 de julho de 2018

Ministério da Saúde

MS tem maior incidência de diabetes entre os estados do Centro-Oeste

14 NOV 2010Por Silvia Tada01h:10

No Centro-Oeste, Mato Grosso do Sul é o Estado com maior incidência de diabetes Melittus (tipo 2), com cerca de 87.047 casos. Os dados são do Ministério da Saúde que, amanhã, organiza ações em diversas cidades do País para alertar a população sobre a adoção de hábitos saudáveis de alimentação e exercícios físicos como forma de evitar a doença. Em Campo Grande, o Obelisco e o relógio localizado na Avenida Afonso Pena com a Calógeras receberão iluminação de cor azul. A doença atinge mais de 250 milhões de pessoas no mundo e mais de 7 milhões no Brasil.

Dados divulgados por Estado indicam que a incidência em MS é de 5,4%; no Distrito Federal, o índice é de 3,6%, seguido de Mato Grosso (4,9%) e Goiás (5,2%). Os números do Estado, no entanto, são menores que a média nacional, que é de 5,8%. A Região Sudeste é a que apresenta maior quantidade de casos: 6,2% da população desenvolveram a doença.

A campanha nacional tem como slogan Controle o Diabetes Já, um alerta para a população, já que 90% dos casos são de diabetes tipo 2 e podem ser evitados.

Prevenção
Histórico familiar e obesidade são os principais fatores de risco. A doença atinge, com maior frequência, pessoas com mais de 40 anos e crianças que nasceram com mais de quatro quilos. “O controle do diabetes pode ser feito com mudança nos hábitos de vida: controle da alimentação e prática de atividades físicas. O tratamento também pode incluir medicamentos para controle da insulina (por via oral ou venosa)”, divulgou o Ministério da Saúde.

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece, gratuitamente, diagnóstico do diabetes, acompanhamento dos pacientes e medicação nas unidades de saúde.

Leia Também