Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MS investiga 2ª morte por febre amarela

MS investiga 2ª morte por febre amarela
19/02/2008 16:36 -


     

 

O paraguaio Rodolfo Escobar, de 38 anos, que morreu no dia 7 de fevereiro no Hospital Regional de Ponta Porã, pode ter sido a segunda vítima fatal da febre amarela em Mato Grosso do Sul.

Não foi possível verificar onde Escobar ? que morava em Pedro Juan Caballero, mas trabalhava em uma fazenda no lado brasileiro da fronteira ? teria contraído a doença. Autoridades brasileiras e paraguaias investigam o caso.

A primeira morte por suspeita de febre amarela, foi a do empresário Nelson Machado Ribeiro, de 44 anos, em janeiro. O caso ainda está sendo investigado pela Vigilância Sanitária.

 

Felpuda


Considerados “traíras” por terem abandonado o barco diante dos indícios da chegada da borrasca à antiga liderança, alguns pré-candidatos terão de se esforçar para escapar da, digamos assim, vingança, velha conhecida da dita figurinha. Dizem por aí que há promessas nesse sentido, para que os resultados dos “vira-casacas” nas urnas sejam pífios. Sabe aquela velha máxima: “Pisa. Mas, quando eu levantar, corre!” Pois é...