Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

MPF denuncia Copervale por adulterar leite

19 MAI 08 - 16h:35
     

 

 

Dezoito pessoas da Cooperativa dos Produtores de Leite do Vale do Rio Grande (Copervale) foram denunciadas hoje (19) pelo Ministério Público Federal em Uberaba, Minas Gerais, por crime contra a saúde pública e por formação de quadrilha. Elas são acusadas de integrar esquema de fraude no leite longa vida produzido pelas cooperativas mineiras. Segundo o MPF, foram denunciados o diretor-presidente da Copervale, Luiz Gualberto Ribeiro Ferreira, o engenheiro químico Pedro Renato Borges, o fiscal agropecuário federal Afonso Antônio da Silva e o gerente industrial Romes Monteiro da Fonseca Júnior. Eles responderão a processo e podem pegar até 11 anos de prisão. Outros treze funcionários da cooperativa,  também foram denunciados. O leite era adulterado com substâncias nocivas à saúde humana, como água oxigenada e soda cáustica, que serviam para aumentar o volume do produto, prolongar a validade e mascarar problemas de qualidade, explica a denúncia.

 

Fonte: Uol Notícias

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Ministro Marco Aurélio vota contra prisão após condenação em 2ª instância
STF

Ministro Marco Aurélio vota contra prisão após condenação em 2ª instância

Delegacia da PF em shopping fecha na segunda-feira por conta de feriado
FERIADO

Delegacia da PF em shopping fecha na segunda-feira por conta de feriado

Comissão que estuda reforma dos militares suspende sessão para buscar acordo
PREVIDÊNCIA

Comissão que estuda reforma dos militares suspende sessão para buscar acordo

Considerada cidade do algodão, Chapadão do Sul comemora 32 anos de emancipação
FELIZ ANIVERSÁRIO

Chapadão do Sul comemora hoje 32 anos de emancipação

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião