MPE pede cassação de prefeita de Eldorado

MPE pede cassação de prefeita de Eldorado
03/04/2009 22:12 -


     

Maria Matheus

 

O Ministério Público Eleitoral deu parecer favorável à cassação dos diplomas da prefeita eleita de Eldorado, Marta Araújo (PDT), de seu vice Mário Coelho (PSDB) e do vereador José Martins (PDT). Eles são acusados de compra de votos em processo movido pela coligação "Amor Trabalho e Fé por Eldorado" e por Roberto Afonso Miranda, conhecido por Roberto Jacaré (PMDB), que foi candidato a vereador no ano passado.

 

Marta, Mário e José Martins teriam tentado subornar Roberto Miranda para que ele desistisse de concorrer a uma vaga na Câmara. Conforme o acordo, Roberto, seus familiares e simpatizantes deveriam votar em Marta e em José Martins. O pedetista, eleito com 360 votos, teria oferecido R$ 3 mil ao peemedebista, com a anuência da então candidata a prefeita e do vice. Roberto chegou a receber R$ 1,5 reais, o restante seria pago posteriormente. Marta e Mário teriam prometido, ainda, R$ 8 mil em materias de construção.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".