Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Futebol

MP traça diretrizes para segurança nos estádios de MS

12 JAN 14 - 00h:00da redação

Os Promotores de Justiça Luiz Eduardo Lemos de Almeida e Antonio André David Medeiros se reuniram nesta semana com a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul, Comandantes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar de MS e dirigentes de clubes de futebol do Estado para darem publicidade e ajustarem medidas tendentes a garantir a segurança nos estádios de Mato Grosso do Sul durante os campeonatos de futebol profissional. As arenas esportivas que receberão jogos são objeto de Inquéritos Civis em trâmite pelas 43ª e 25ª Promotorias de Justiça de Campo Grande.

A reunião que aconteceu no prédio das Promotorias de Justiça da Rua da Paz, na Capital, teve como objetivo traçar as seguintes diretrizes visando garantir a segurança nos estádios: proibição de comercialização e consumo de bebida alcoólica no interior e nas imediações dos estádios de futebol; proibição de ingresso de torcedor nos estádios portando qualquer material que represente periculosidade para os demais torcedores, profissionais ou frequentadores, ou que possa ser convertido em objeto de agressão física; realização de vistorias nos estádios que irão abrigar jogos, isso em até 3 (três) úteis antes da partida, com base no poder de polícia e independentemente de provocação por qualquer parte, para verificação geral das condições da praça esportiva, da manutenção ou da alteração das condições descritas nos laudos de segurança (PM) e de prevenção e combate a pânico e incêndio (CBM).

Dentre os pontos acordados na reunião estão ainda a presença de segurança privada no interior dos estádios de Campo Grande; a instalação e funcionamento de central técnica de informações, com infraestrutura para o monitoramento do público presente por imagem, nos estádios com capacidade superior a dez mil pessoas; o controle e a fiscalização do acesso do público ao estádio com capacidade para mais de dez mil pessoas por meio de monitoramento por imagem das catracas; o controle e a contagem do acesso do público ao estádio, observando a capacidade máxima de torcedores; o isolamento de parte das arquibancadas para torcidas de times adversários, com sanitários químicos e policiamento; pedidos de vistorias em estádios de futebol (Decreto n. 6.795/09) feitos no mínimo com 30 (trinta) dias de antecedência do vencimento dos laudos vigentes; entrega ao Ministério Público de Mato Grosso do Sul de todos os laudos necessários e exigidos por lei com antecedência mínima de 30 (trinta) dias à realização e ao início das próximas competições.

As medidas contaram com o consenso de todos os presentes na reunião e visam garantir o mínimo de segurança aos torcedores-consumidores, sendo elas importantes também para a conscientização geral de todos os envolvidos com o futebol profissional de que os estádios devem estar aptos e adequados para a realização de jogos.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Dinheiro público poderá pagar advogado de acusado de corrupção
COBRE SEU SENADOR

Dinheiro público poderá pagar advogado de acusado de corrupção

Conheca os novos modelos HB20: Veja o vídeo.
CORREIO VEÍCULOS

Conheca os novos modelos HB20: Veja o vídeo.

Shopping vai pagar só metade do IPTU; centro de convenções ganha isenção
BOSQUE DOS IPÊS

Shopping vai pagar metade do IPTU nos próximos cinco anos

Prefeito avalia que demorou para organizar cidade
CAPITAL

Prefeito avalia que demorou para organizar cidade

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião