Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Movimento distribui bolo no Rio para comemorar julgamento do mensalão

29 JUL 12 - 23h:00Terra

Enquanto o principal delator do esquema do mensalão, o ex-deputado Roberto Jefferson, segue internado no Hospital Samaritano, na zona sul do Rio de Janeiro, depois de uma cirurgia para a retirada de um tumor no pâncreas, o Movimento 31 de Julho (data da 1ª manifestação do grupo) foi para a orla carioca, do Leblon à Ipanema, mobilizar a sociedade civil para o julgamento do caso, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que começa no dia 2 de agosto e vai julgar 38 réus.

A Manifestação contra a Corrupção e a Impunidade reuniu em torno de 60 pessoas na caminhada, eserviu para comemorar um ano do movimento e o início do julgamento do mensalão. Um bolo de três andares, com 11 bonequinhos que simbolizavam cada um dos juízes do STF, foi cortado e distribuído a todos que passavam pelo local.

"A nossa preocupação não era reunir um grande número de pessoas caminhando conosco. Mas sim chamar a atenção das pessoas para o julgamento. Já que temos como representatividade as 37 mil assinaturas do abaixo-assinado que foi entregue ao STF, no final de maio, para acelerar o julgamento do mensalão. E essa caminhada serviu para mostrar que estamos de olho em tudo que vai acontecer a partir do dia 2 de agosto", afirmou Marcelo Medeiros, um dos fundadores do Movimento.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

MUNDO

Acuados em caso Odebrecht, políticos peruanos temem apuração sobre OAS

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta sexta-feira: "O caminho da reconstrução"

ARTIGO

Fábio Gilberto Gonzalez: "Eixos centrais para o desenvolvimento da Capital"

Advogado e administrador de empresas
OPINIÃO

Gilberto Verardo: "Direitos garantidos com deveres confusos"

Psicólogo

Mais Lidas