FUNDAÇÃO DO TRABALHO

Moradores do Vida Nova I recebem serviços de emprego

Moradores do Vida Nova I recebem serviços de emprego
31/07/2012 08:46 - Gabriel Maymone


O programa Funsat Itinerante, atende nesta terça-feira (31), moradores do bairro Vida Nova I com serviços de intermediação de emprego como emissão da carteira de trabalho, cadastro e encaminhamento para vagas ofertadas, seguro-desemprego e informações sobre cursos de qualificação.

Os serviços serão oferecidos no Cras “Alair Barbosa de Rezende”, na Rua Pariris, nº 330, no Bairro Moreninha II. O atendimento é realizado das 7h30min às 12h.

Serviços/Documentos:

Cadastro de vagas – Apresentar documentos originais (RG, CPF, Carteira de Trabalho e PIS);

Emissão da Carteira de Trabalho - 1ª via apresentar original e cópia (RG, Certidão de nascimento ou casamento, reservista), e duas fotos 3X4;

2ª via apresentar original e cópia do boletim de ocorrência, (RG, Certidão de nascimento ou casamento, reservista), e duas fotos 3x4;

Continuação - Apresentar a Carteira de Trabalho anterior, duas fotos 3X4. Originais e cópias do RG, Certidão de nascimento ou casamento, reservista;

Habilitação de o Seguro - Desemprego apresentar originais e copias: RG, CPF , Carteira de Trabalho, PIS, três últimos holerites, extrato de saque do FGTS, Rescisão contratual com o requerimento com duas vias, verde e marrom, comprovante de residência e comprovante de escolaridade.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".