Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAPITAL

Morador paga R$ 300 de IPTU e ganha imóvel de R$ 150 mil

Morador paga R$ 300 de IPTU e ganha imóvel de R$ 150 mil
26/02/2011 16:02 - vivianne nunes, carlos Henrique e osvaldo júnior


Pelo telefone, Franscisco Luis de Lima, morador da Vila Rica, foi informado que havia sido contemplado com um apartamento no valor de R$ 150 mil durante sorteio de prêmios do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) 2011.  Foi o próprio prefeito Nelson Trad Filho quem fez a ligação. De acordo com ele, Francisco pagou R$ 300 do imposto e agora poderá desfrutar de um imóvel de 68 metros quadrados com três quartos, garagem e espaços exclusivos no bairro Doutor Albuquerque.

O veículo Voyage, de R$ 38 mil, foi sorteado para o mutuário Nelson da Silva.

Os ganhadores do apartamento e do veículo Voyage também receberam a notícia diretamente do prefeito Nelsinho Trad (PMDB) por telefone. Ao todo, 12 pessoas foram sorteadas. Além do apartamento e do carro, foram sorteadas dez poupanças de R$ 10 mil e os ganhadores foram Ana Lima da Conceição do bairro Manoel Taveira; Geraldo Balan do centro; Alessandro Monteiro do Monte Castelo; Cristina Mongenot de Barros do Jardim dos Estados; Agripina Amarilha Reis do Jardim Monumento; Loia Catarina Musskopf do Jardim panorama; Gabriela Rodrigues do Maria Aparecida Pedrossian; Carlos Roberto Acosta do Jardim Novos Estados; Neide Raslan do Jardim dos Estados e Marli da Conceição Yamaura do Jardim Belo Horizonte.

Na praça, havia cerca de 250 pessoas acompanhando os sorteios. Em março e julho, ocorrerão outros dois sorteios. Os prêmios serão eletrodomésticos diversos.

Editado às  16h03min para acréscimo de informações


 

Felpuda


Outrora afinadíssimo com o presidente Jair Bolsonaro, parlamentar sul-mato-grossense começou a ser escanteado em consequência de uma das crises políticas de grande repercussão. A figura entrou em campo e botou falação sobre o que estava ocorrendo, e isso soou que só como crítica pesada ao governo, que, como não poderia deixar de ser, não gostou nadica de nada. Há quem diga que o dito-cujo é muito levado “pelo sangue”. Então, tá!...