Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

CENTRO-SUL

Moagem de cana atinge 552,47 mil toneladas

4 JAN 2011Por Agência Estado15h:20

O volume de cana-de-açúcar processado pelas unidades produtoras da região Centro-Sul do País totalizou 552,48 milhões de toneladas no acumulado da safra 2010/11 de abril até a primeira quinzena de dezembro, 7,21% acima do valor registrado em igual período de 2009. As informações são da União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica). Como a expectativa é de que a moagem daqui para frente seja apenas residual, os dados divulgados hoje ratificam o que a entidade já havia afirmado de que a quantidade de cana-de-açúcar moída nesta safra ficará abaixo das 560 milhões de toneladas.

Na primeira quinzena de dezembro, a moagem foi de 8,70 milhões de toneladas, uma redução de 45,37% em relação ao mesmo período da safra anterior e de 52,98% comparativamente aos últimos 15 dias de novembro de 2010. Esta diminuição progressiva da moagem é decorrência da queda contínua do número de usinas em operação. Até o dia 15 de dezembro de 2010, a estimativa era de que 60 usinas deveriam prosseguir suas atividades até o final daquele mês. Na safra anterior, este número era de aproximadamente 220 unidades.

"As condições climáticas desfavoráveis à colheita nesse final de safra e a consequente redução da produtividade agrícola do canavial em função da estiagem no período de maio a setembro explicam esta forte retração da moagem, a qual já era esperada," afirmou Antonio de Pádua Rodrigues, diretor da entidade.

ATR

Apesar da diminuição acentuada na moagem quinzenal em dezembro, a quantidade de produtos disponíveis à produção de açúcar e etanol acumulada entre abril, início da safra, e 15 de dezembro foi 15,49% superior à observada no mesmo período de 2009. Este fato decorre do aumento da disponibilidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana em 2010 em relação ao ano anterior, quando o excesso de chuvas prejudicou demasiadamente a qualidade da matéria-prima.

De abril a 15 de dezembro de 2010, a quantidade de ATR por tonelada de matéria-prima atingiu 141,34 quilos, 10,14 quilos acima do apurado em igual período de 2009. Nos primeiros 15 dias de dezembro, a concentração de ATR alcançou 121,64 quilos por tonelada de cana-de-açúcar, redução de 7,93% em relação à quinzena anterior.

Leia Também