Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Minotauro lamenta lesão de Anderson Silva

Minotauro lamenta lesão de Anderson Silva
30/12/2013 17:45 - FOLHAPRESS


A Team Nogueira, que tem como líderes Rodrigo Minotauro e seu irmão Rogério Minotouro, mestres de jiu-jitsu de Anderson Silva, que na madrugada de domingo fraturou a perna esquerda durante o combate com Chris Weidman, acredita na recuperação de seu amigo e pupilo."Temos certeza da recuperação do Anderson e do quanto ele é guerreiro. O "Spider' sempre motivou nossos atletas e alunos a treinarem superando os seus limites e correrem atrás dos seus sonhos. Devemos muito a ele. Em nossos corações não existe dúvida que nosso ídolo e eterno campeão vencerá mais esta luta, com a mesma força e coragem que encarou todos os seus desafios", disseram eles.

"As características que o fizeram quebrar todos os recordes do maior evento de MMA do mundo sempre foram sabedoria, garra e determinação. Sabemos o quanto ele se dedicou e se preparou nos últimos meses, e a forma física que ele estava. Assim como todo o país e boa parte do mundo, estamos muito entristecidos." Eles acrescentaram que a família Team Nogueira "lamenta a fatalidade que machucou boa parte do mundo do MMA no último sábado, com a contusão do nosso ídolo Anderson Silva. Até hoje, ele é dono da maior sequência de vitórias e de defesas de cinturão do UFC, e um dos melhores lutadores da história do esporte."

"Anderson Silva, a família Team Nogueira em nome de todos os atletas, alunos e professores está aqui retribuindo todo o carinho que você sempre manifestou por nós. Estamos com você para o que der e vier, e enviando todas as nossas forças nesta recuperação. Você sempre deu o seu melhor e sabemos que fará o mesmo em sua volta", concluíram Minotauro e Minotouro. 

Felpuda


Vêm aumentando que só os disparos de segmentos diversos contra cabecinha coroada que, até então, acreditava voar em céu de brigadeiro. O novo coronavírus chegou, ganhou espaço, continua avançando e atualmente tem sido o melhor cabo eleitoral dos adversários. A continuar assim, sem ações mais eficazes, o estrago político poderá ser grande. Observadores mais atentos têm dito que o momento não é de viver o conto da “Bela Adormecida”. Só!